A Consagração de Vida na Comunidade Recado

A consagração de vida na Comunidade Recado é a resposta a um chamado de Deus. Porém, todo caminho vocacional tem um percurso que é percorrido com o auxílio da graça de Deus e a ajuda dos irmãos.

Antes de tudo, vamos recordar que vida consagrada é diferente de consagração de vida. A vida consagrada se refere às religiosas e aos religiosos que proferem votos; agora, a consagração de vida acontece com os leigos que assumem compromissos. 

No entanto, tanto os votos quanto os compromissos dizem respeito à vivência da pobreza, da obediência e da castidade; todos são sérios e abençoados pela Igreja. Cada um tem uma fórmula de consagração diferente e características próprias na prática, em nosso caso, assumimos os compromissos segundo nosso estado de vida. 

Agora, vamos percorrer o caminho de consagração de uma Nova Comunidade, a Comunidade Recado. Confira neste post que preparamos.

Consagração de vida dentro de uma Nova Comunidade

Uma Nova Comunidade é uma organização reconhecida pela Igreja. Ela possui documentos próprios que orientam toda a vida da Comunidade e, principalmente, são um dom na Igreja e para o povo de Deus.

Portanto, como dom de Deus, ela tem um carisma, espiritualidade e missão próprias. Sua composição, todavia, é diferente da vida consagrada tradicional, porque é formada por leigos, casados, celibatários e sacerdotes. Todos vivem como irmãos e consagram suas vidas a Deus por meio do carisma da Comunidade.

Agora, a consagração de vida em uma Nova Comunidade é uma resposta a Deus que envolve muita responsabilidade; tem um caminho próprio; leva tempo e é uma via de testemunho para a sociedade atual.

Uma vez que exige entrega e renúncias, ela pede também preparação, que acontece através de um caminho vocacional, de acordo com a realidade de cada pessoa. Ou seja, os casais, por exemplo, têm um acompanhamento diferente dos solteiros em vista da realidade familiar que os acompanham.

Consagração de vida – pertença a Deus!

Vamos entender o que significa “consagrar a vida a Deus”. A palavra consagrar significa separar; logo, consagrado(a) é separado, neste caso, para Deus. Mas isso não é a vontade de uma única pessoa. Pode-se até pensar que Deus impôs uma consagração a alguém.

Todavia, em Deus não há imposição de nada! Nem a salvação é imposta, mas é tudo dom gratuito. Portanto, a consagração de vida é o encontro entre duas pessoas, duas vontades: Deus e o ser humano.

Dessa forma, quem abraça uma consagração de vida descobre um tesouro em um campo (cf.Mt 13,44). Vamos associar esse Evangelho à descoberta vocacional. Diz Jesus aos seus discípulos que um homem encontrou um tesouro, ele o esconde, e cheio de alegria, vende tudo para comprar aquele campo.

Sendo assim, a pessoa é o vocacionado(a) que encontra um lugar (a comunidade), onde existe um tesouro (o reino de Deus), que produz uma alegria inexplicável, quase que a tradução do sentido da vida dele; por isso, deixa todos os outros bens para ficar naquele campo, por causa do tesouro. 

A partir dessa parábola, fica mais simples de compreender o valor da consagração da vida: é algo que não se troca por nada, uma decisão interior que se formaliza no altar, diante da Igreja e na presença de testemunhas, e o consagrado(a) torna-se pertença de Deus.

Consagração na Comunidade Recado

A Comunidade Recado é uma Nova Comunidade fundada, em Fortaleza-CE, em 10 de maio de 1984, a partir de um grupo musical, chamado de Grupo Recado, que participava das atividades da Paróquia São Vicente de Paulo.

Por isso, neste ano a Comunidade comemorou 38 anos de existência. Seus membros são pessoas que fazem, constantemente, a experiência com a misericórdia do Sagrado Coração de Jesus e dedicam suas vidas para consolar esse Coração através do louvor e da adoração. Sendo que a arte é seu principal instrumento de evangelização.

Da mesma forma que as demais comunidades, a Recado possui comunidade de vida e de aliança, solteiros, casados e celibatários, como também sacerdotes que acompanham a obra. 

Todavia, há uma missão particular, entre as demais que fazem parte da Comunidade, que conduz a vida de quem se consagra a Deus no carisma Recado: anunciar e proclamar a glória de Jesus Cristo ressuscitado. Além disso, levar os irmãos a uma experiência pessoal com o Sagrado Coração de Jesus.

A partir deste anúncio, podemos compreender melhor a consagração de vida na Comunidade Recado.

Experiência e anúncio – jeito de viver da Comunidade Recado

A consagração de vida, como dissemos acima, é fruto de uma decisão, mas esta é resultado de um caminho vocacional. Portanto, para chegar à consagração é preciso viver o tempo de descoberta pessoal junto à Comunidade e aos irmãos.

Porém, tendo feito o caminho, a consagração de vida se torna um transporte do carisma Recado; e a vida do membro, um anúncio do Cristo Ressuscitado e veículo que proporciona a experiência pessoal com o Sagrado Coração de Jesus.

Agora, esse transbordamento diz o que ele abraça e vive de forma pessoal e comunitária: os conselhos evangélicos, a vida fraterna, os compromissos da Comunidade, a vida missionária e uma vida pessoal de encontro com Deus diariamente.

Este encontro fala de amor e dor, ressurreição e cruz, vida e paixão, renúncia e oferta. Ele vive a doação de vida e a entrega por amor a Deus e o anúncio do Reino através do Carisma, porque o consagrado já não se pertence mais, porém se doa ao povo e à Igreja.

Sempre comunicando nosso Recado

A consagração de vida na Comunidade Recado é a maior comunicação que fazemos ao povo de Deus de quem somos! De forma simples, mas intensa, como nos pede o Coração do nosso Deus, trazemos um Recado sobre o amor de Deus para o mundo.

E com o auxílio da Virgem Maria, São Francisco e Santa Teresinha do Menino Jesus, queremos transbordar o Louvor e a Alegria, frutos da ação do Espírito Santo em nossas vidas.

Que tal continuar lendo Como é a rotina da Comunidade de aliança?

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
Email

Leia também:

Rezemos uns pelos outros

“A intercessão é uma oração de petição que nos conforma de perto com a oração de Jesus. É Ele o único intercessor junto do Pai em favor de todos os homens, em particular dos pecadores. Ele ‘pode salvar de maneira definitiva aqueles que, por seu intermédio, se aproximam de Deus, uma vez que está sempre vivo, para interceder por eles.” (Catecismo da Igreja Católica, 2634)

Leia mais »

Deixe um comentário

Comunidade Recado

© 2021 comunidade católica recado. feito por fluxo soluções digitais.

plugins premium WordPress