Sacerdócio na Comunidade Recado: conheça a história do padre Felipe

Ao falar sobre o dom do sacerdócio para a Igreja, Dom Walmor Oliveira de Azevedo  se expressa assim:

“Sacerdócio, no sentido estrito de sua significação, é referência àquele que consagra sua vida a serviço do Evangelho, no seu anúncio, movido por um amor apaixonado por Jesus Cristo. Significa o permanente desafio de traduzir este amor em gestos e comprometimentos, como guia de um povo, educador de sua fé, referência de sua unidade na experiência de celebrar e testemunhar o Deus da vida.”

Em poucas palavras, o bispo conseguiu sintetizar a vocação sacerdotal em sua essência: consagração plena, paixão por Jesus, sacrifício, compromisso com a educação do povo na fé, celebração e testemunho vivo de Deus. 

Mas a grandeza dessa vocação passa pela humanidade de quem é chamado, porque Deus quis assim. Ele escolhe pessoas que jamais imaginávamos para confundir os soberbos, como disse Nossa Senhora, e através disso Ele manifesta Sua misericórdia. 

E por falar em misericórdia, é por meio dela que a Comunidade Recado transborda em alegria e louvor. É também por causa da misericórdia do Coração de Jesus que testemunhamos a vocação sacerdotal no meio de nós e trazemos essa história para você por meio do depoimento do padre Felipe Zanotto. Não perca esse post! 

Sacerdócio, um dom dentro do Dom! 

A Comunidade Recado denomina-se uma Nova Comunidade ou uma Nova Fundação. Esse termo se refere a novas expressões de consagração de vida dentro da Igreja e para ela, que surgiram, em sua grande maioria, após o Concílio Vaticano II. 

Assim, elas são uma nova primavera na Igreja, junto com os movimentos eclesiais, como disse São João Paulo II no pentecostes de 1999. Uma característica forte das Novas Comunidades é a sua diversidade de vocações e estados de vida.

Uma vez que elas reúnem leigos, casais, sacerdotes, pessoas em definição vocacional, celibatários, em torno de um carisma, espiritualidade e missão próprias, de acordo com a inspiração do Espírito Santo, vivendo a vida comunitária e fraterna.

Portanto, a Comunidade Recado é uma inspiração divina, uma novidade do Espírito para um novo tempo. Seus membros são fortemente marcados pela experiência com o Sagrado Coração de Jesus e, por causa Dele, transbordam alegria e louvor. 

E entre essas expressões do carisma Recado, está o sacerdócio, motivo das orações de santa Teresinha e uma das devoções de São Francisco. E ninguém melhor que o próprio padre para explicar o que essa vocação significa para o esse carisma. Acompanhe! 

“Eu não queria ser sacerdote” – Padre Felipe Zanotto

O padre Felipe Zanotto é natural de Itapetininga – SP. Seus pais educaram todos os filhos na fé católica, “uma família que amava Jesus”. Ainda na infância, descobriu-se como ator e alimentou o sonho de se tornar um artista desde cedo. Aos 14 anos, então, iniciou sua formação no teatro através da escola onde estudava.  

Mas quem era o Felipe?

“Não há santo sem passado! Ainda que não sejamos santos, mas temos uma história para contar.”

Na verdade, uma criança, depois um adolescente que escondia seus traumas, carências, medos por trás de um personagem, um Felipe que ele inventou, mas não existia. 

Até que um dia, no pátio da escola, uma amiga tocou para ele uma canção que transformou sua vida: Ninguém te ama como eu! “Chegou Jesus, foi um encontro glorioso”. Esse momento transformou sua vida, as lágrimas não paravam, nascia ali uma nova pessoa. 

A partir daí, ele aceitou o convite para visitar um grupo de oração da RCC chamado “Jovens louvando”. Desde já, o louvor o acompanhava e seria selado definitivamente com o sacerdócio, bem mais a frente na sua trajetória vocacional. 

No grupo de oração: “Fiz o seminário de vida no Espírito, renasci para a vida nova. Eu chorei demais. Fui amado. Um amor diferente, que cura, entende, acolhe. Meus pais me amam, mas o amor de Deus é diferente e comecei, então, um processo de cura profundo em minha história de vida.

“Tire suas expectativas, se você quiser ficar.”

O encontro com Jesus no grupo de oração colocou a vida de Felipe em outra direção. Ele passou a servir a Deus, colocou seus talentos à disposição do grupo e estava envolvido em todos os eventos de evangelização como alguém fundamental na organização.

Mas o sacerdócio ainda estava bem guardado no Coração de Jesus:

“Vivi um momento profundo de perdão dentro de mim. Mas não foi a descoberta do sacerdócio ainda, porém brotou um forte desejo de ser missionário.”

Em 2006, chegou um convite para um encontro vocacional na Comunidade Recado. Foi nesse encontro que Deus falou com ele:

“Havia na comunidade uma presença humana de Deus e a arte como expressão simples e profunda”. É o despertar de uma vocação!

Foi então que alguém, rezando por ele, disse as seguintes palavras: “Tire suas expectativas, se você quiser ficar.” As expectativas estavam muito ligadas ao fato de a Comunidade utilizar a arte para evangelizar e Felipe começou a fazer planos pessoais através da arte também, mas Deus o preparava para algo muito maior.

“Eu vi o quanto a vocação Recado e eu éramos uma coisa só”

Após o encontro vocacional, começou um novo ciclo na vida de Felipe: iniciou o caminho vocacional, entrou no seminário para estudar teologia, estava namorando, trabalhando e continuava como líder no grupo de oração da RCC. 

No entanto, o coração estava sempre inquieto, em busca de entender a vontade de Deus. E graças ao acompanhamento vocacional, a compreensão chegou aos poucos, através da oração e principalmente do encontro com a Palavra de Deus.

Então, Felipe decidiu abraçar o celibato – o sacerdócio já o perseguia sem ele saber. Pediu a admissão na Comunidade Recado, após o terceiro vocacional, como Comunidade de Aliança:

“Eu vi o quanto a vocação Recado e eu somos uma coisa só”.

Dessa forma, as profecias de Deus foram se cumprindo. As orações, as adorações e as intercessões que aconteceram, ao longo de todos os anos, foram conduzindo sua vida até o sim à comunidade de vida, com a forte presença de Nossa Senhora e Santa Teresinha.

“O sacerdócio não é um sonho, mas uma realidade para mim”

A compreensão sobre o sacerdócio na vida do padre Felipe foi se construindo aos poucos. Como ele mesmo disse:

O sacerdócio é uma exceção na minha vida, porque normalmente ele acontece cedo na vida dos vocacionados. Mas comigo não foi assim. Mas não pelo meu fechamento, mas por causa das minhas limitações em vários sentidos. E eu não queria ser padre.” 

Porém, a ausência de padre na comunidade o inquietava. E esse sentimento o levou a questionar sobre a vontade de Deus para a sua vida! A comunidade jamais o induziu ao sacerdócio, porque a vocação específica é muito pessoal, é preciso ouvir a voz de Deus falando ao coração.

Então, o momento do despertar aconteceu em um retiro vocacional da Comunidade. Após Felipe preparar todo o espaço para a adoração, com os símbolos da comunidade e os sinais litúrgicos, ele percebeu que as mãos que prepararam todos os objetos eram chamadas a prepararam o altar! 

“Eu descobri naquele dia que o sacerdócio era para mim. Deus estava me chamando.”

Então ele aceitou o chamado ao sacerdócio e escreveu para a comunidade sobre o seu desejo. Logo depois, foi enviado em missão para a França, onde concluiu seus estudos e foi ordenado. 

Quanto a ser sacerdote na Comunidade Recado, o padre Felipe é quem responde:

“Ser padre para mim não é sonho, mas uma realidade, uma vocação, minha vida, um plano concreto de Deus. Meu sacerdócio é para consolar o Coração Eucarístico de Jesus. A arte das minhas mãos é Jesus Eucarístico.”


Participe você também da Semana Vocacional da Comunidade Recado 2023

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
Email

Leia também:

Rezemos uns pelos outros

“A intercessão é uma oração de petição que nos conforma de perto com a oração de Jesus. É Ele o único intercessor junto do Pai em favor de todos os homens, em particular dos pecadores. Ele ‘pode salvar de maneira definitiva aqueles que, por seu intermédio, se aproximam de Deus, uma vez que está sempre vivo, para interceder por eles.” (Catecismo da Igreja Católica, 2634)

Leia mais »

Deixe um comentário

Comunidade Recado

© 2021 comunidade católica recado. feito por fluxo soluções digitais.

plugins premium WordPress