Notícias - Igreja

Relíquias de São Padre Pio serão expostas no Vaticano

Relíquias de São Padre Pio serão expostas no Vaticano

São Padre Pio, o frei capuchinho italiano popularmente conhecido como "Padre Pio", fará parte do Jubileu da Misericórdia convocado pelo Papa Francisco. As datas foram divulgadas nesta segunda-feira na Sala de Imprensa da Santa Sé em um comunicado dos Padres Capuchinhos.

Os restos mortais de São Pio de Pietrelcina serão expostos na Basílica de São Pedro de 5 a 11 de fevereiro. Durante este período o Papa receberá os devotos do santo em uma audiência pública, celebrará com os Freis Capuchinhos de todo o mundo e consentirá o mandato de 'Missionários da Misericórdia’.

São Pio nasceu dia 25 de maio de 1887 na cidade italiana de Pietrelcina e morreu na cidade de San Giovanni Rotondo em 23 de setembro de 1968. O padre capuchinho, de grande devoção popular, recebeu os estigmas de Jesus nas mãos. Foi canonizado em 2002 pelo Papa João Paulo II. Para o evento espera-se que mais de um milhão de peregrinos passem por Roma.

Sexta-feira, 05 de fevereiro, a urna com o corpo incorrupto de São Pio de Pietrelcina será levada em procissão solene da igreja de San Salvatore in Lauro, no centro histórico de Roma, para a Basílica de São Pedro.

No dia seguinte, o Papa concederá uma audiência aos Grupos de Padre Pio, aos funcionários do hospital Casa alivio do sofrimento, fundado pelo santo em 1956, e aos fiéis da Arquidiocese de San Giovanni Rotondo.

Na terça-feira (9), o Papa presidirá a uma missa na Basílica de São Pedro com os Frades Menores Capuchinhos de todo o mundo.

Na Quarta-feira de cinzas, como parte da celebração, o Papa conferirá a cerca de mil Missionários da Misericórdia, sacerdotes e religiosos, o mandato de ser "sinal e a solicitude materna da Igreja para o povo de Deus”.

Eles, conforme concedido pelo Papa Francisco aos sacerdotes por ocasião do Ano da Misericórdia, terão autoridade para absolver pecados reservados à Sé Apostólica, como o aborto e a profanação da eucaristia.

Dia 11 de fevereiro, com a celebração eucarística presidida por Mons. Rino Fisichella, presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, as relíquias do santo "Padre Pio" retornarão a Pietrelcina, sua cidade natal, da qual partiu exatamente dia 19 de fevereiro de 1916 e nunca retornou.

 

Fonte: http://www.zenit.org/pt/articles/reliquias-de-padre-pio-serao-expostas-no-vaticano-por-ocasiao-do-jubileu-da-misericordia