Notícias - Igreja

Papa nomeia novo cardeal brasileiro

Papa nomeia novo cardeal brasileiro

Surpreendendo os fiéis presentes na Praça São Pedro e todos os que o acompanhavam ao vivo pelo rádio, TV e Internet, o Papa anunciou na manhã deste domingo a realização de um consistório para a criação de novos cardeais. O Brasil foi contemplado com a escolha do arcebispo de Brasília, Dom Sérgio da Rocha.

Com alegria, anuncio que sábado, 19 de novembro, na véspera do fechamento da Porta Santa da Misericórdia, realizarei um Consistório para nomear 13 novos cardeais, de cinco continentes. Sua proveniência, de 11 nações, expressa a universalidade da Igreja que anuncia e testemunha a Boa Nova da Misericórdia de Deus em todos os cantos da terra. A inclusão dos novos cardeais na diocese de Roma manifesta também a inseparável relação existente entre a Sé de Pedro e as Igrejas particulares ao redor do mundo”.

"Domingo, 20 de novembro, Solenidade de Cristo Rei, conclusão do Ano Santo Extraordinário da Misericórdia, concelebrarei a Santa Missa com os novos cardeais, com o Colégio Cardinalício, os arcebispos, bispos e presbíteros”.

Na sequência, Francisco revelou quem serão os novos cardeais:

Dom Mario Zenari, que continua como Núncio Apostólico na ‘amada e martirizada’ Síria;

Dom Dieudonné Nzapalainga, C.S.Sp., Arcebispo de Bangui (República Centro-africana);

Dom Carlos Osoro Sierra, Arcebispo de Madri (Espanha);

Dom Sérgio da Rocha, Arcebispo de Brasília (Brasil);

Dom Blase J. Cupich, Arcebispo de Chicago (EUA);

Dom Patrick D’Rozario, C.S.C., Arcebispo de Daca (Bangladesh);

Dom Baltazar Enrique Porras Cardozo, Arcebispo de Mérida (Venezuela);

Dom Jozef De Kesel, Arcebispo de Malines-Bruxelas (Bélgica);

Dom Maurice Piat, Arcebispo de Port Louis (Ilhas Maurício);

Dom Kevin Joseph Farrell, Prefeito do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida (EUA);

Dom Carlos Aguiar Retes, Arcebispo de Tlalnepantla (México);

Dom John Ribat, M.S.C., Arcebispo de Port Moresby (Papua Nova Guiné);

Dom Joseph William Tobin, C.SS.R., Arcebispo de Indianapolis (EUA).

Aos membros do Colégio Cardinalício, o Papa decidiu unir ainda dois arcebispos e um bispo, eméritos, que se destacaram em seu serviço pastoral, e um Presbítero que deu claro testemunho cristão. “Eles representam muitos bispos e sacerdotes que em toda a Igreja edificam o povo de Deus, anunciando o amor misericordioso de Deus no cuidado cotidiano do rebanho do Senhor e na confissão de fé”.

Eles são:

Dom Anthony Soter Fernandez, Arcebispo Emérito dei Kuala Lumpur (Malásia);

Dom Renato Corti, Arcebispo Emérito de Novara (Italia);

Dom Sebastian Koto Khoarai, O.M.I, Bispo Emérito de Mohale’s Hoek (Lesoto);

Padre Ernest Simoni, Presbítero da Arquidiocese de Shkodrë-Pult (Scutari – Albânia).

 

 

Sobre Dom Sérgio da Rocha


Dom Sérgio da Rocha foi nomeado arcebispo de Brasília em 15 de junho de 2011 pelo papa Bento XVI e desde abril de 2015 preside a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O brasileiro estudou filosofia no Seminário Diocesano de São Carlos, teologia no Instituto Teológico de Campinas, concluiu mestrado em teologia moral na Faculdade Teológica "Nossa Senhora da Assunção", em São Paulo, e doutorado na mesma disciplina junto à Academia Alfonsiana de Roma.

Foi ordenado sacerdote no dia 14 de dezembro de 1984 em Matão (SP), exercendo como pároco em Água Vermelha, coordenador da pastoral da Juventude de São Carlos, professor do Seminário Diocesano e diretor espiritual da Casa de Teologia de Campinas.

Também foi reitor do Seminário de Filosofia de São Carlos, coordenador da pastoral vocacional, vigário paroquial da catedral da cidade e vigário paroquial em "Nossa Senhora de Fátima", entre outros cargos.

No dia 13 de junho de 2001, foi ordenado bispo por Dom José Antônio Aparecido Tosi Marques, como titular de Alba e auxiliar de Fortaleza. Em 11 de agosto, recebeu a consagração episcopal. Em 31 de janeiro de 2007 foi nomeado bispo coadjutor de Teresina (PI) e se tornou arcebispo em 3 de setembro de 2008.