Notícias - Mundo

Entrevista com Luiz Carvalho

Entrevista com Luiz Carvalho

Confira entrevista sobre a missão nos E.U.A. com Luiz Carvalho, fundador e moderador geral da Comunidade Recado:

 

1) Luiz, você pode partilhar um pouco sobre a sua experiência como missionário Recado?

Ser missionário Recado é poder comtemplar com os meus olhos a eficácia, a grandeza e a força que tem o carisma da vocação Recado. É impressionante como as pessoas têm, verdadeiramente, necessidade desse carisma hoje. É impressionante, ainda, como as pessoas se encontram na misericórdia do Coração de Jesus, como elas aprendem e retomam facilmente o louvor, como elas são contagiadas pela alegria transbordante do carisma. É uma grande graça!

 

2) Essa não é a primeira vez que você viaja aos EUA em missão. Que frutos você tem visto brotar desde a sua última visita?

Sempre que vou aos EUA, vou com o coração feliz, em festa, porque sei que lá existem muitos irmãos brasileiros que têm muita sede de Deus, muita saudade do nosso país, saudade da família, então encaro essa missão como obra de misericórdia. Procuro ir cheio do amor de Deus para poder transbordar e transmitir um pouco deste amor para aqueles que estão longe da sua família, da sua casa, do seu povo, da sua cultura, seja por questões de necessidade financeira ou pelo pecado social.

Sempre é uma grande alegria ir para lá. O fruto que vejo concretamente é encontrar pessoas que perseveram, que caminham, que se engajam, que se entregam ao serviço do Senhor, que têm a experiência com Deus e com Sua Palavra, que se mantêm de pé e, pessoas que às vezes não tinham tanta proximidade com a Igreja aqui no Brasil e, que lá, por providência de Deus, acabam se encontrando.

É nesse momento que falo pra eles: “Talvez vocês vieram para cá buscando um pouco de riqueza financeira, material; mas, chegando aqui, se deparam com o maior tesouro de suas vidas: Nosso Senhor Jesus Cristo”.

Então é sempre uma grande alegria ir para lá, é uma grande graça poder comtemplar a obra de Deus realizada através de meu ministério na vida de todos aqueles irmãos.

 

3) Como é a recepção das pessoas de lá à vocação Recado?

A vocação Recado é muito querida, porque nós, já há alguns anos, visitamos como missionários aquele povo, aquelas cidades, aquelas famílias. E eles já beberam bem do nosso carisma, da nossa missão de evangelizar pelas artes, pela música e, principalmente, formação dos artistas católicos.

Muitos músicos que estão lá hoje, atuando na Igreja, receberam a nossa formação inicial e, todos eles testemunham que são frutos do nosso trabalho, da nossa oração, da nossa fidelidade, da nossa luta diária para nos mantermos de pé e cumprirmos a missão que o Senhor nos confiou.

O Recado é muito bem visto, é muito bem quisto, graças ao Bom Deus e eu espero que continue sendo assim, porque essa é a nossa missão.

 

4) Fale pra gente um pouco sobre a missão atual.

Particularmente nessa missão que eu estou indo no início de março (dia 9, véspera de Semana Santa), eu irei participar de um casamento da filha de um grande amigo meu, diácono Álvaro Soares.

Depois pregarei em um retiro no domingo. Retiro esse para líderes e núcleos diocesanos da RCC (Renovação Carismática Católica) em uma cidade próxima à Boston. Depois passo uma semana em evangelização na cidade de Nova York em grupos de oração.

Finalizando, no domingo, realizo uma formação direcionada para os músicos da cidade de NY e cidades próximas.

Na segunda, em Miami, vou a um grupo de oração. Quarta, estarei retornando ao Brasil, se Deus quiser, para passar a Semana Santa com minha família.

 

 

Clique aqui e leve a Comunidade Recado para dar formações, workshops artísticos, conduzir retiros e realizar shows na sua cidade!