Teoria Musical? Não, obrigado!

Teoria Musical? Não, obrigado!

Hei! Você artista católico, músico, coordenador de um ministério de música, filho de Deus, ou apenas um ouvinte, ou curioso. Hoje o tema de abordagem será um assunto que por vezes parece enfadonho, chato, e por vezes até mesmo complicado.

Mas, seria teoria musical um assunto complicado?

Os bebês não nascem sabendo, muito menos andando. Podemos iniciar o conhecimento teórico da música da mesma maneira.

A primeira preocupação que devemos ter é exatamente não se preocupar. Pois é, parece contraditório não é mesmo? Teoria musical é tão fácil que desde o ventre materno você já conhece os famosos: Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá, Si. Não é mesmo? E por qual motivo conhecemos esses nomes de notas musicais? Quando foi que memorizamos estes nomes ou ao menos ouvimos alguém falar dessas notas musicais?

Se você não se lembra, não tem problema! Apenas saiba de uma coisa, sua memória musical está ativa. De fato, existem assuntos complicados no campo musical, mas tudo nessa vida necessita de esforço, ou melhor, de empenharmos algum trabalho até que haja certo desenvolvimento.

O convite musical para o dia de hoje é apenas fazer um leve trabalho mental, uma ginástica muito saudável para ativarmos nosso cérebro e nossa memória musical. Seja pra você com muita ou pouca experiência na área da música.

Seja em um relógio de pulso ou digital, em um cronômetro de celular, numa simples contagem com os dedos de nossas mãos ou com as passadas de nossas pernas, enfim, utilizaremos como exemplo o famosíssimo relógio de parede que não nos deixará perder o ritmo, ou melhor, o pulso.

Durante o tempo de um minuto diga, a cada segundo o nome de uma das notas musicais, da seguinte maneira:

1º Segundo:      
2º Segundo:       Ré
3º Segundo:       Mi                         
4º Segundo:       Fá
5º Segundo:       Sol         
6º Segundo:       Lá
7º Segundo:       Si
8º Segundo:       ...

Ficou fácil? Então repita o ciclo, porém agora enfatizando a nota , ou seja, de a de Mi a Mi e assim por diante. O tempo está apressado ultimamente, o andamento das coisas anda muito rápido e quase sem pausas não é mesmo? Mas em apenas 7 minutos conseguimos sem dúvida memorizar essa sequência tão fácil. Se ficar difícil realizar esse breve exercício durante sete minutos seguidos, divida 7 minutos de seu dia para a realização dessa atividade. Bons estudos e até a próxima.

Por Rafael Felipe Oliveira Meira, Membro da Comunidade Recado. 

Você acha que está faltando mais formação para os artistas católicos? Então CLIQUE AQUI e temos uma solução para te apresentar.