Série Sagrado Coração de Jesus

Série Sagrado Coração de Jesus

Coração de Jesus: fonte inesgotável de misericórdia

10ª, 11ª e 12ª promessas do Coração de Jesus

 

Chegamos às três últimas das doze promessas do Sagrado Coração de Jesus. “Darei aos sacerdotes que praticarem especialmente essa devoção o poder de tocar os corações mais endurecidos” (10ª); “As pessoas que propagarem esta devoção terão o seu nome inscrito para sempre no Meu Coração” (11ª); e “A todos os que comunguem, nas primeiras sextas-feiras de nove meses consecutivos, darei a graça da perseverança final e da salvação eterna”.

Jesus deseja cuidar de maneira muito próxima dos filhos de Deus. Dessa forma, também os sacerdotes, religiosos e religiosas, leigos consagrados, são alvo do amor misericordioso do Sagrado Coração de Jesus. Aqueles a quem o Senhor confiou um rebanho, um carisma, encontram no Coração de Jesus – fonte nunca estancada de dons, de carismas, de amor e de misericórdia, o sustento no cumprimento da missão.

No Antigo Testamento, em Isaías 49, 16, o Senhor diz: “Eu te gravei nas palmas de minhas mãos”. No Novo Testamento, na Nova Aliança, Jesus, por meio das promessas reveladas a Santa Margarida Maria nos diz: “As pessoas que propagarem esta devoção terão o seu nome inscrito para sempre no Meu Coração”. Jesus deseja gravar nosso nome em Seu Sagrado Coração e imprimir em nosso coração o Seu amor.

Jesus a todo momento anseia e se inclina até nossa condição humana, para nos revelar o olhar amoroso do Pai, Sua bondade e misericórdia e a graça da salvação eterna a nós recebida pelo Seu sacrifício na cruz. No que tange, às primeiras sextas-feiras de nove messes consecutivos, Jesus revela a Santa Margarida Maria: “Prometo-te também que meu Coração se dilatará para espalhar, em abundância, as influências de seu divino amor sobre os que lhe derem esta honra, e que conseguirem que esta honra lhe seja dada”. (Livro Rezar 15 dias com Margarida Maria, de Gerard Dufour)

Percebemos ao longo da reflexão com as doze promessas, que a devoção as Sagrado Coração de Jesus expressa pelo coração, órgão que aspira e projeta sangue no organismo fazendo com a que a vida aconteça, um verdadeiro movimento de amor, movimento de dom e acolhida, pois se é relativamente fácil dar, é preciso ter também o coração bastante pobre capaz de receber. “ Deus é ao mesmo tempo rico e pobre: rico para dar, gratuitamente, pobre para mendigar e acolher nosso louvor, nossa oferenda, nossa gratidão”. (Gerard Dufour) Acolhamos com muito amor esse Coração tão humano e tão divino que seu deu inteiramente a nós por amor e ofertemos a Ele a nossa vida com tudo o que temos e somos pela devoção ao Seu Sagrado Coração.

“Ao Coração de Deus vou consagrar o meu viver para sempre”.

(Trecho de música)

 

Por Laianne Viana, Membro da Comunidade Recado

 

 

Referências

DUFOUR, Gerard. Rezar 15 dias com Margarida Maria. Edições Loyola, São Paulo, 2013.

Bíblia Ave Maria.

 

 

Quer fazer a evangelização acontecer no seu ministério? Então CLIQUE AQUI. Quer saber como ela pode chegar o mundo inteiro?! CLIQUE AQUI