Meu ministério é uma bagunça... por culpa minha!

Meu ministério é uma bagunça... por culpa minha!

Quando coordenamos ou servimos em algum ministério é importante ter em mente que estamos inseridos em uma realidade que envolve outras pessoas. Logo, para melhor trabalhar e conviver com os irmãos é preciso que haja o mínimo de organização necessário.

Se o seu ministério é bagunçado você desempenha algum papel nisso. Mesmo que você não seja o coordenador de ministério existem várias formas de você disseminar a bagunça. Não prestando atenção nos avisos e orientações você pode dar informações erradas para outras pessoas e confundi-las. O uso que você faz do material de evangelização pode dificultar o acesso para outro irmão que necessite posteriormente. Sua impontualidade ou ausência nas reuniões pode dificultar algo que o coordenador planejou para a reunião. Se algo vai errado é fundamental que você seja o primeiro a mudar.

O primeiro ponto que pode estar gerando alguma bagunça nos processos do seu ministério diz respeito ao planejamento. Precisamos planejar e rezar com nossas ações de evangelização com antecedência. Saber para onde se vai é essencial em qualquer caminho. No nosso caso buscamos descobrir o que Deus deseja para nosso ministério. Mas, essa consulta precisa ser feita com bastante antecedência. Antecedência para definir os assuntos de cada reunião, as atividades que serão realizadas. Não podemos deixar para pensar no que iremos fazer na reunião de ministério no mesmo dia da reunião ou na véspera. Os imprevistos acontecem e precisamos estar preparados para eles. Um costume errado que às vezes deixamos acontecer em nossos ministérios é chamar pregadores com pouco tempo de antecedência para pregarem em nossas reuniões. Agindo assim, temos mais chances de que o pregador não possa ir por já ter se comprometido com algum outro evento e até mesmo disseminamos a cultura do improviso em nossos grupos de oração ou comunidades.

Só vamos conseguir convidar um pregador com antecedência se já tivermos as nossas reuniões devidamente planejadas e acertadas antes. Se eu sou uma pessoa desorganizada eu vou precisar me esforçar muito para que esse meu problema não venha afetar os planos de Deus. Além disso, eu vou precisar me comunicar de forma clara e objetiva para com meu ministério. Preciso estar atento para com os avisos de maior importância e pensar na melhor forma de fazer esses avisos chegarem até as pessoas. Será que eu mandar uma mensagem de WhatsApp no grupo de ministério é a melhor forma de me comunicar? Nem sempre a forma mais fácil de comunicação é a melhor. Se as pessoas do meu ministério estão confusas quanto à forma que eu me comunico existem grandes chances de que elas possam cometer algum erro.

Outro ponto importante sobre organização em nossos ministérios diz respeito à organização da reunião propriamente dita. Como faço para preparar o ambiente, montar e organizar o material necessário para o dia? Se vou trabalhar alguma música nova na reunião eu já me preparei com antecedência junto ao ministro de música? Se o recurso que pensei para o dia não funcionar o que eu tenho como plano B? Precisamos nos preparar o melhor possível para os imprevistos para que eles não prejudiquem o povo de Deus.

Diante de todos esses conselhos vemos o quanto é desafiador o trabalho junto a um ministério. Precisamos nos organizar e ter sempre em mente que quanto melhor nos anteciparmos mais seguro será o nosso serviço. Se o seu ministério é uma bagunça por sua culpa é também sua responsabilidade torna-lo organizado.

 

Por Leonardo Falconeri, Membro Compromissado da Comunidade Recado.

 

 

 

Quer fazer a evangelização acontecer no seu ministério? Então CLIQUE AQUI. Quer saber como ela pode chegar o mundo inteiro?! CLIQUE AQUI