A correção com amor pelo caminho da oração

A correção com amor pelo caminho da oração

Pode ser que em algum momento de sua caminhada com Deus você tenha passado por situações nas quais não conseguiu se expressar de forma adequada, a melhor maneira de expor, ou a forma menos dolorosa de falar com alguém, até mesmo a de ouvir, quando o quesito é correção. Na caminhada voltada para Deus, a sua vida oração é princípio e fim de tudo. É a oração diária que lhe ajudará a ter momentos de mais intimidade com Deus. Nesses momentos você dirá ao Senhor as situações que cruzou e que colocou no seu pensar o questionamento de como corrigir com amor, bem como o de amar a correção!

Acerca da vida de oração, nos diz Raniero Cantalamessa, no livro Obediência, que “Normalmente, é claro, não ouvirei, na minha breve oração, voz alguma e nem terei resposta alguma explícita sobre o que fazer”, e provavelmente a sua oração não será um livro de perguntas e respostas concretas e exatas de como proceder. Talvez a sua vida de oração também não seja um manual que contenha no sumário o item: como corrigir ou aceitar a correção. E aqui se faz necessário ter como base a passagem de Hb 12, 10b que nos fala: “Deus, porém, nos educa para nosso bem, a fim de nos comunicar sua santidade.”.

Saibas que à medida que dispõe de tempo para se colocar embaixo da proteção de Deus obterás d’Ele amor. E é o amor que nos forma. E você pode até se questionar: e se eu não tiver amor? E se eu não souber me amar, como posso corrigir? Para esses questionamentos o caminho da resposta podes começar a entender com o Frei Raniero, no mesmo livro, a dizer que “despojei-me de minha vontade, renunciei a decidir sozinho e abri um espaço para que Deus intervenha, se quiser, na minha vida.” E quando tu tens essa vontade de se colocar diante de Deus e deixar que Ele conduza os teus passos observarás que a cada novo dia terás a oportunidade de experimentar da graça de ser melhor e de comunicar sua santidade.

Assim, motivado pela graça do amor que forma e que educa, você aprenderá que a medida da correção é a medida do amor. À medida que reconhece o amor que há em você, aprende a amar melhor. Peça ao seu Amado Deus que lhe eduque para comunicar melhor à santidade que vem d’Ele. Hoje o exercício é o do amor, amanha já será o Amado em ti!

 

Por Rose Raphaele, Membro Compromissado da Comunidade Recado

 

Referência

BÍBLIA JERUSALÉM.

RANIERO CANTALAMESSA. Obediência. Edições Loyola, 11ª edição, 2015, p: 43.

 

 

Qual a forma de fazer as formações católicas chegarem ao Brasil e ao mundo? CLIQUE AQUI e temos uma solução.